AV. ASSIS BRASIL, 8787, SARANDI, PORTO ALEGRE-RS | CENTRAL DE ATENDIMENTO 0800 51 8555 

Você está aqui

Inovações vão revolucionar o setor automotivo

Inovação e Tecnologia

O carro será o novo Iphone. A afirmação do futurista dinarmarquês Peter Kronstrom, diretor do Copenhagen Institute for Futures Studies Latin America, foi usado pela editora de Inovação da Automotive Business, Giovanna Riatto, para mostrar a tendência do setor automotivo. Ela foi a palestrante do workshop Tecnologias e Tendências para o Setor Automotivo, promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-RS), nesta terça-feira, na sede da FIERGS. Giovanna lembrou que o País conta com 67 fábricas de veículos com potencial para produzir até 5 milhões de automóveis e R$ 36,7 bilhões em investimentos até 2022. “Há um movimento muito forte acontecendo de compartilhamento de informações para chegar ao que o consumidor quer. Grandes empresas automobilísticas estão buscando startups e empresas e especialistas do setor de tecnologia”, disse ela.

O evento abordou temas referentes ao futuro da indústria automotiva, desde produtos e processos sob a visão de especialistas da indústria e da academia, com o objetivo de apoiar as empresas na tomada de decisões para implementação de novas tecnologias. O professor da Ufrgs, Alejandro Frank, que falou sobre o trabalho realizado na universidade com novos modelos de negócios e oportunidades para ecossistemas empresariais do RS. Ele explicou que há várias empresas trabalhando com novas tecnologias mas que necessitam de outras para a busca de soluções para a indústria 4.0. “Buscamos a integração dessas empresas a fim de identificar as soluções”, afirmou.  

O gerente do Instituto Senai de Inovação em Soluções Integradas em Metalmecânica, Victor Gomes, mostrou Abordagens de digitalização orientadas para aumento da produtividade da indústria brasileira, apresentando possibilidades de pesquisa e inovação oferecidas pelo instituto, que é agente Embrapii. “Há objetivos comuns como eficiência de processos e processos sustentáveis. Agora novas metas foram acrescentadas: processos conectados e processos colaborativos”, relatou Gomes. “O Senai-RS conta com equipamentos e especialistas que podem auxiliar as empresas na busca de novos caminhos e soluções”, concluiu. O evento teve ainda a visão de empresas como a GM, Randon, Marcopolo e T-Systems do Brasil, e de representantes da Unisinos e da PUC-RS.


Crédito foto: Dudu Leal