Você está aqui

Saúde

Parceria busca qualificar cadeia produtiva do leite

 
O Senai-RS, o Instituto Gaúcho do Leite e o Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento assinaram nesta quinta-feira, na Expointer, uma parceria que dá sequência ao PAS Leite, Programa Alimentos Seguros voltado para a cadeia produtiva do leite, que desde setembro do ano passado, capacitou 1.022 transportadores em 26 laticínios. A iniciativa tem como objetivo levar soluções de forma integrada para promover a produção de qualidade e segura, garantindo a saúde dos consumidores, a satisfação da indústria e o negócio dos produtores. 
 
O primeiro passo foi passar aos transportadores os conhecimentos básicos sobre composição do produto, possíveis contaminantes e formas de controle durante o processo de coleta e translado. O treinamento abrangeu várias etapas: recolhimento do leite a granel, verificação de amostras, técnicas e higiene de coleta e tempo de deslocamento até a indústria. 
 
Esta manhã foram assinados dois contratos. O primeiro prevê o desenvolvimento do Curso Boas Práticas para o Transporte de Leite para 25 turmas de 20 transportadores, totalizando 500 pessoas, sem custos aos laticínios. O segundo contrato visa à realização do curso Boas Práticas de Fabricação – Indústria, para formação de técnicos ligados aos serviços de inspeção municipal das prefeituras, responsáveis técnicos dos laticínios, cooperativas e entidades do setor lácteo para implantação do PAS Leite – Indústria. 
 
 
 
Tags: 

Veja mais

FIERGS 23/05/2016 às 17h26
 Com expectativa da visita de 200 importadores de 46 países, iniciou nesta segunda-feira (23) o 25º Salão Internacional do Couro e do Calçado (SICC), em...
Saiba mais
FIERGS 23/05/2016 às 16h26
A Ação Global 2016 recebeu 9,2 mil pessoas no último sábado (21), no Centro de Atividades do Sesi em Panambi, promovida pelo Sistema FIERGS, por meio do...
Saiba mais
FIERGS 19/05/2016 às 16h37
“Estamos passando uma etapa histórica no País, um período de transformações. Não só pelo processo de impeachment, mas porque a sociedade exige respostas...
Saiba mais