Substâncias restritas são substâncias que não são permitidas em um material acima de certos níveis. A sua utilização, pura ou em misturas, é regulada ou até proibida por políticas (nacionais, regionais ou institucionais) devido a possíveis efeitos tóxicos ao ser humano e ao meio ambiente.

A proteção da saúde humana (de consumidores e de trabalhadores) e os cuidados com o meio ambiente se tornam assuntos cada vez mais presentes nas empresas de todos os tipos. Legislações nacionais e internacionais aprimoram seus padrões para manter a segurança dos produtos que vão para o mercado.

ppsr-selo-satra

Com o objetivo de desenvolver e fortalecer a cadeia calçadista, o SENAI-RS, em parceria com entidades do setor calçadista, promove anualmente o PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas. Este Programa tem como propósito promover e comprovar a conformidade dos materiais quanto aos limites de substâncias restritas da legislação e normas nacionais e internacionais. O PPSR foi estabelecido de tal forma que, ao longo da sua aplicação, produza dados e informações para a qualificação dos fornecedores de toda a cadeia produtiva.

Os ensaios são realizados na Central Analítica do Instituto SENAI de Tecnologia em Couro e Meio Ambiente, em duplicatas, de acordo com as metodologias oficiais internacionais para cada material. A Central Analítica é acreditada pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro (CGCRE), sob o número RBLE 0017, desde 1987 e pioneira na realização de análises de substâncias restritas em materiais para calçados, atuando neste escopo desde 2005.

O SENAI-RS é associado a SATRA Technology Centre e a Central Analítica do Instituto SENAI de Tecnologia em Couro em Meio Ambiente possui acreditação para a realização de análise químicas de substâncias restritas conforme escopo de acreditação. Além disso também é um laboratório aceito pela CPSC – Consumer Product Safety Comission, dos Estados Unidos.

Desta forma os ensaios são realizados de acordo com um sistema da qualidade devidamente documentado e auditado, em conformidade com a Norma ABNT NBR ISO/IEC 17025 - Requisitos Gerais para Competência de Laboratórios de Ensaio e Calibração.

A cada rodada os participantes receberão:

  • Relatórios de Ensaio individuais dos componentes avaliados;
  • Certificado de Participação da Rodada, relacionando a informação do fornecedor com o código de identificação válido para a rodada em questão;
  • Relatório de Apresentação dos Resultados da Rodada do PPSR;
  • Participação dos Encontros Técnicos para a discussão dos resultados.

Participando do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas  sua empresa conhecerá cada vez melhor o  perfil do setor, as substâncias críticas identificadas  e os pontos que requerem maior atenção, bem  como terá  auxílio técnico gratuito na solução de problemas. 

Voltado ao setor calçadista, o PPSR está disponível para os fabricantes de calçados e para os fornecedores de materiais e componentes para calçados.

O Programa ocorre por ciclos anuais e a inscrição nas Rodadas está disponível aos fornecedores de componentes para calçados e aos calçadistas e ocorrerá semestralmente. O PPSR abrange os seguintes grupos de componentes:

  • Couros
  • Têxteis
  • Laminados sintéticos
  • Materiais poliméricos
  • Materiais celulósicos
  • Componente metálicos
  • Produtos químicos
  • Aviamentos
  • Adornos
  • Embalagens
  • Componentes mistos

Para o ciclo 2021 do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas foram definidas as seguintes substâncias de interesse ou ensaios a serem avaliados:

  • Alquilfenóis (NP/OP) e Alquilfenóis Etoxilados (NPEO/OPEO)
  • Azo Corantes
  • Clorofenóis
  • Compostos Orgânicos Voláteis (VOCs)
  • Cromo VI
  • Formaldeído
  • Dimetilfumarato
  • Ftalatos
  • Metais Pesados Totais (Arsênio, Cádmio, Chumbo e Mercúrio)
  • Organoestanhos
  • Hidrocarbonetos Aromáticos Policíclicos (PAHs)
  • Solventes residuais (DMFa, DMAC, NMP e Formamida)
  • Liberação de níquel (Ni)
  • Corantes dispersos

Como o programa funciona:

Após a adesão ao Programa, as empresas deverão realizar a inscrição nas rodadas do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas.

Para tanto, o fabricante deverá definir junto aos seus fornecedores qual(is) grupo(s) de componentes e quais materiais tem interesse em participar. No momento da inscrição o fabricante deverá identificar os fornecedores parceiros que realizarão o pagamento dos pacotes de ensaios específicos.

As amostras a serem ensaiadas são, necessariamente, retiradas dos materiais em uso na produção dos Calçadistas ou na produção das Empresas Parceiras. Sendo assim, os Calçadistas assinarão um Termo de Responsabilidade pela identificação de amostras de fornecedores que serão submetidas às análises.  

A amostragem é um aspecto fundamental do PPSR e deve ser realizada conforme as orientações estabelecidas para cada material.

Ao participar do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas sua empresa receberá:

  • O Certificado de Participação da Rodada;
  • O Relatório de Apresentação dos Resultados da Rodada do PPSR;
  • O direito de participar do Comitê Técnico do Programa;
  • A participação gratuita nos Encontros Técnicos.

Cada vez mais, os mercados exigem a garantia de controle de substâncias restritas para comercialização de produtos que atendam as normas nacionais e internacionais.

Este programa colaborativo traz à indústria segurança na conformidade para seus produtos, utilizando materiais com qualidade atestada.

Após a adesão ao Programa, as empresas deverão realizar a inscrição nas rodadas do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas.

O PPSR está disponível para os seguintes grupos de componentes:

  • Couros
  • Têxteis
  • Laminados sintéticos
  • Materiais poliméricos
  • Materiais celulósicos
  • Componente metálicos
  • Produtos químicos
  • Aviamentos
  • Adornos
  • Embalagens
  • Componentes mistos

A inscrição se dá mediante o preenchimento de uma ficha com a identificação  do ou dos materiais a serem submetidos aos ensaios definidos no PPSR, bem como a identificação das Calçadistas ou Empresas Parceiras (para as quais o Fornecedor inscrito no Programa forneça seus materiais). Cada fornecedor inscrito receberá um código de identificação unívoco e confidencial, obtido em sorteio.

 No segundo semestre de 2020 foi incluída a possibilidade da participação independente do Fornecedor de Componentes para Calçados, sem Empresas Parceiras. A amostragem deve, obrigatoriamente, ser feita pelo SENAI, conforme especificado no item 4.8 do Regulamento.

Cada fornecedor inscrito receberá um código de identificação unívoco e confidencial, obtido em sorteio.

A amostragem pode ser realizada nas Empresas Calçadistas, nas empresas Parceiras (que fazem o beneficiamento de algum material, por exemplo) e nos Fornecedores de Componentes para Calçados. Em todos os casos, é realizada pelo SENAI, conforme as orientações estabelecidas para cada material (Apêndice III do Regulamento).

A amostragem somente poderá ser feita em produtos de linha de produção.

A amostragem é um aspecto fundamental do PPSR e deve ser realizada conforme as orientações estabelecidas para cada material.

Ao participar do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas sua empresa receberá:

  • Os Relatórios de Ensaio individuais dos componentes avaliados;
  • O Certificado de Participação da Rodada, relacionando a informação do fornecedor com o código de identificação válido para a rodada em questão;
  • O Relatório de Apresentação dos Resultados da Rodada do PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas;
  • A participação gratuita nos Encontros Técnicos;
  • Apoio técnico na solução de problemas. 

O valor dos ensaios feitos dentro do programa, tem desconto especial de 50%. Consulte o valor dos pacotes no item 4.7 do Regulamento.

Solicite uma visita de um especialista do SENAI e ingresse no PPSR – Programa de Proficiência em Substâncias Restritas.

Contratar