Você está aqui

Como administrar o salário e fazer o dinheiro render mais?

O dinheiro é responsável pela realização de muitos sonhos. Fazer um curso, comprar um carro, mudar para um imóvel melhor, viajar… Tudo isso traz custos. Infelizmente, muitas pessoas não conseguem sentir o gosto dessas conquistas por não terem renda suficiente.

Mas será que o problema é mesmo a quantidade de dinheiro que você ganha? Ou existem formas de aprender como administrar o salário para alcançar mais realizações? Nós apostamos na segunda opção.

Se você quer saber como melhorar sua relação com as finanças e aumentar seu patrimônio, acompanhe nossas dicas neste post!

Nunca gaste mais do que ganha

O primeiro ponto parece óbvio, mas uma parte significativa dos brasileiros não segue essa orientação. Muitos se perdem em empréstimos, financiamentos ou parcelas de cartão de crédito, adquirindo contas que ultrapassam seus vencimentos mensais. E essa não é uma característica de pessoas "descontroladas" — é possível acabar nessa situação até mesmo sem perceber.

Na verdade, a dica é “gaste sempre menos do que ganha”. Várias pessoas se sentem confortáveis por não estarem endividadas, mas vivem a situação de gastar todo o seu salário. Quando você faz isso, está correndo um grande risco de não conseguir controlar as contas em algum momento.

Afinal, não conseguimos prever tudo, concorda? Quem gasta toda a sua renda sem poupar nada pode ser surpreendido com um compromisso inesperado e precisar recorrer ao cheque especial ou aos juros do cartão de crédito. Essas não são boas opções, pois você acaba pagando bem mais do que o custo inicial.

Por isso, fique sempre atento para gastar dentro do seu padrão de vida. Além de pagar as contas mensais, o seu salário também precisa ser capaz de oferecer segurança diante emergências e custear seus projetos de curto e médio prazo. Embora seja muito atrativo viver o hoje, o futuro não pode ser negligenciado.

Trace objetivos financeiros

Depois de ler a dica anterior e saber como administrar o salário, você provavelmente está avaliando os gastos que pode cortar e minimizar para fazer seu dinheiro render mais. Traçar metas é um jeito de garantir que a ideia de poupar vire um compromisso e não seja deixada de lado diante do primeiro desejo de consumo.

Veja desta maneira: pensar superficialmente que é preciso juntar dinheiro é bem diferente de planejar uma poupança para determinado objetivo. Por exemplo, se você decide que vai juntar R$ 100 por mês para viajar ao final do ano, a ideia vira um objetivo e fica mais fácil se comprometer, pois você definiu a recompensa.

Por isso, comece o exercício de refletir sobre os seus planos e definir metas para sua renda. Liste todas elas e divida entre objetivos de curto, médio e longo prazo. Assim, vai ficar mais claro o que você precisa fazer para se organizar e conquistar cada ponto da lista.

Invista seu dinheiro

Você sabia que há uma maneira de multiplicar o valor poupado e conseguir cumprir suas metas mais rápido? É possível fazer isso colocando o dinheiro em algum investimento. A preferida dos brasileiros é a poupança, mas ela pode não ser a opção ideal em termos de rendimento.

Existem diversos outros investimentos que ajudam a administrar o salário. O Tesouro Direto, que é a compra de títulos do governo, está sendo bastante discutido ultimamente como substituto da caderneta de poupança. Além dele, é possível também investir em bancos e, claro, comprar ações da bolsa de valores.

Mas atenção: antes de decidir o que fazer com o seu dinheiro, pesquise bastante sobre cada tipo de investimento. Fique atento, principalmente, às condições de resgate. Em alguns casos, há o risco de perder uma parte dos rendimentos se precisar tirar antes do vencimento.

Reinvista seus rendimentos

Se você gostou do que falamos no tópico anterior, está pronto para colocar este em ação. Como dissemos, seu dinheiro rende e se multiplica quando está investido. Com isso, você pode fazer planos para os rendimentos — comprar algo que queira muito ou pagar um passeio em família, por exemplo.

Entretanto, para quem deseja ver o volume aumentar e adiantar a realização de sonhos maiores, o ideal é reinvestir o que seu dinheiro inicial rendeu. Os investimentos funcionam por juros compostos. Se você não mexe no que recebeu, ele contribui para que o valor aumente de forma mais rápida. 

Algumas pessoas investem com um grande objetivo de vida: a independência financeira. Ela significa não precisar mais trabalhar, podendo viver do dinheiro acumulado nos investimentos. Reinvestir os rendimentos é o caminho para essa conquista.

Mantenha o consumo sob controle

Mesmo depois de definir suas metas, nem sempre é fácil manter a disciplina. Ninguém é de ferro, e juntar dinheiro pode ser muito difícil diante das tentações. A dica que damos para evitar furos no seu orçamento é planejar o consumo.

Evite ao máximo adquirir um produto por impulso. Se você gostou de uma roupa na vitrine do shopping, por exemplo, avalie se ela é necessária, se cabe no seu planejamento financeiro e se tem um bom custo-benefício. Da mesma forma, quando precisar de um livro ou eletrodoméstico, pesquise os preços e tenha certeza de que encontrou a melhor oportunidade.

Seja muito responsável em relação ao padrão de vida. Se o seu salário não condiz com um carro de luxo agora, permaneça com um popular até ter uma renda que permita maiores gastos. Isso evita que você fique sem dinheiro por fazer escolhas equivocadas.

Entretanto, não caia no equívoco de cortar demais seu orçamento. Ninguém consegue viver apenas cumprindo obrigações e juntando dinheiro. Você precisa definir quais gastos são importantes para manter sua qualidade de vida. O lazer com familiares ou amigos, por exemplo, não é considerado supérfluo se você precisa disso para ser feliz. Ter equilíbrio é fundamental.

Percebeu que não é tão complicado aprender como administrar o salário? É possível viver grandes mudanças financeiras ao tomar decisões simples e ter atitudes constantes. Sem dúvida, vale a pena fazer alguns sacrifícios no presente para aproveitar alegrias maiores no futuro.

E então, este post ajudou você? Nós publicamos frequentemente materiais tão legais quanto este. Assine nossa newsletter e aproveite!


Por Redator Senai
quarta-feira, 27 de Novembro de 2019 - 19h19

Deixe um Comentário

8 + 1 =