Você está aqui

Mira Rápida

Pela primeira vez, uma empresa nacional produz a tecnologia de miras óticas, também chamadas de Red Dot Sight.

O PROJETO

A AEL Sistemas é uma empresa de Porto Alegre que se dedica ao projeto, desenvolvimento, fabricação, manutenção e suporte logístico de sistemas eletrônicos militares e espaciais para aplicação em plataformas aéreas, marítimas e terrestres. Considerada um centro de excelência em tecnologia de defesa, desde 2001, a AEL SISTEMAS S.A. faz parte do grupo Elbit Systems, líder mundial no segmento de defesa.

Ao se deparar com as características do armamento militar utilizado nacionalmente, a empresa vislumbrou uma oportunidade de mercado. Pensando em disponibilizar uma solução mais completa e inovadora para o mercado brasileiro, propôs uma alternativa com o uso de miras óticas, também chamadas de Red Dot Sight. As miras convencionais disponíveis no mercado, também chamadas de miras de ferro, apresentam grande desvantagem frente a novas opções de miras eletro-ópticas, pois exigem que o atirador alinhe a alça de mira com a massa de mira durante a execução de um disparo.

Até a proposta de desenvolvimento do projeto de inovação do produto Mira Rápida da AEL em parceria com o Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros, nenhuma empresa nacional produzia esta tecnologia, apesar de existirem opções importadas ou nacionalizadas de qualidade inferior. Como condicionante, para uso militar, este produto ainda deveria ser qualificado segundo normas especializadas, tal como a MIL-STD-810G.

O DESENVOLVIMENTO

Na área tecnológica de compósitos e com execução técnica do Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros, foi desenvolvida e prototipada a Mira Óptica do tipo Reflex Sight para acoplagem em armamento que possui trilho do tipo “picatynni” com carcaça de base polimérica. O desenvolvimento do produto utilizou a tecnologia Red Dot Sight, no qual, por reflexo de luz colimada sobre lentes especiais, é possível obter uma correção da posição relativa do olho do atirador.

O projeto de inovação em produto contou com as seguintes ações realizadas pelo ISI Polímeros: uso de simulação de injeção para orientação preferencial das fibras, redução do coeficiente de dilatação térmica versus solução metálica e aplicação de seções flexíveis para substituir componentes de juntas articuladas.

OS RESULTADOS

Foi fabricado o lote piloto com 30 unidades da mira óptica para ensaios baseados na norma militar americana MIL-STD-810G – Enviromental Engineering Considerations And Laboratory Test, considerando os requisitos dela para o seu desenvolvimento e testagem. Este projeto pioneiro resultou, ainda, em duas patentes depositadas. 

A partir do trabalho desenvolvido juntamente ao ISI Polímeros, a AEL Sistemas deu continuidade à proposta de desenvolvimento do produto através do aprimoramento comercial do item, lançando no mercado a Mira Guará. A Mira Guará é um sistema eletro-óptico reflexivo que fornece um retículo eletrônico sobre o alvo, possibilitando ao usuário manter ambos os olhos abertos enquanto realiza a pontaria. O sistema, que é resistente às condições ambientais severas tais como choque, vibração, temperaturas extremas, maresia, umidade e poeira, foi desenvolvido e produzido no Brasil de acordo com as normas militares (MIL-STD-810G).


Tem uma ideia inovadora? Conte com os modernos parques tecnológicos e com a expertise dos profissionais do SENAI para desenvolvê-la! Entre em contato conosco e traga seu projeto para os Institutos SENAI de Inovação.

Outros cases

18/03/2020
Recuperação de resíduos da indústria calçadista para produção de embalagem para calçado.
Selff Design - Poltrona 130-senai
11/08/2020
Criação de produto com maior apelo em design, buscando atingir novas regiões e os mercados de São Paulo e Rio...
08/05/2018
A empresa Sandrin Ltda., de Bento Gonçalves/RS, atua no mercado moveleiro atendendo todo o território nacional...